Fecomércio-MT sedia workshop sobre ferrovia que avançará por Mato Grosso

December 16, 2019

 

A renovação da concessão da ferrovia Malha Paulista pela Rumo Logística, companhia responsável pelo escoamento de produtos de Rondonópolis (MT) até o Porto de Santos (SP), até 2058, possibilitará o aumento de seus investimentos e a futura expansão dos seus trabalhos até a região médio-norte de Mato Grosso, por meio da Malha Norte.  

A afirmação foi feita pela própria Rumo Logística, durante o Workshop Comercial realizado na Fecomércio-MT pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT), e que contou com a participação dos setores produtivos do estado.

O vice-presidente da Fecomércio-MT, Manoel Procópio, destacou a importância na realização do evento, que atende as reivindicações dos setores produtivos do estado. “Cada um tem fundamental importância na economia do estado. E a implantação dessa ferrovia era um sonho de nós mato-grossenses. Foram realizadas diversas reuniões para mostrar o interesse dos setores produtivos por este modal de transporte, principalmente na capital do estado.”

Expansão da Malha Norte

O evento foi mediado pelo secretário-adjunto da Sedec-MT, Walter Valverde, que buscou estreitar a relação entre as entidades representantes dos setores produtivos e a operadora do serviço ferroviário no estado. “A ferrovia tem a grande importância, com fatores positivos não comumente mensurados, como uma melhor qualidade de vida do motorista rodoviário, diminuição de acidentes e de roubos, qualidade na mercadoria, além do barateamento do frete”.

A expansão da Malha Norte, que deve sair do terminal ferroviário de Rondonópolis e atravessar Mato Grosso até a cidade de Lucas do Rio Verde, com a implantação de um terminal em Cuiabá, tem previsão de investimento de R$ 6 bilhões. As duas malhas (Paulista e Norte) formam o mais importante corredor logístico-ferroviário do Brasil.

Já o presidente do Fórum Pró-Ferrovia, Francisco Vuolo, reforçou a renovação da Malha Paulista, pois é através dela que Mato Grosso irá receber os investimentos para a expansão da ferrovia até a região médio-norte do estado. “Isso irá representar muito em termos de logística, com o barateamento do frete, além de potencializar as áreas por onde ela passará. Sem dúvida, tudo isso terá como principal beneficiado o consumidor final”.

Please reload

Em Destaque

Taques afirma a ministro que só defenderá Ferronorte se ela passar por Cuiabá

May 10, 2017

1/2
Please reload

Notícias da Ferrovia
Please reload

Search By Tags
Please reload

Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic