Ferrovia passando por Cuiabá é fundamental para o desenvolvimento de Mato Grosso

 

 

Em entrevista à rádio Capital FM na manhã desta segunda-feira (06.03), o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte, pontuou sobre a importância de que a expansão da Ferrovia Senador Vicente Vuolo passe por Cuiabá, pois o modal é fundamental para o desenvolvimento econômico do Estado.

O crescimento do escoamento da produção de grãos de Mato Grosso via Arco Norte, por meio da BR-163, é tido como um dos motivos para a retomada das discussões de expandir os trilhos da Ferrovia de Rondonópolis para Cuiabá e Sorriso. Caso a ampliação da ferrovia até Sorriso ocorra, o trecho de 600 quilômetros deverá receber R$ 5 bilhões em investimentos.

“Hoje 50% da carga embarcada em Rondonópolis vêm de Nova Mutum para cima, junto com o governador tivemos reuniões com o presidente do grupo Cosan (concessionária da Ferronorte) e a Agência Nacional de Transporte Terrestres (ANTT) para que se retomem os investimentos a partir de Cuiabá. É obvio que a empresa quer a carga ao Norte de Cuiabá e não via Cuiabá, mas, o governador Pedro Taques tem sido irredutível e que qualquer negociação precisa passar por Cuiabá, por mais que isso seja um pouco mais econômico pelo ponto de vista da empresa, mas é fundamental sob o ponto de vista estratégico o desenvolvimento do estado passar por Cuiabá”, disse o secretário.

Marcelo Duarte destacou que a ferrovia em Cuiabá começou a ser discutida novamente, porque a Rumo-ALL está vendo uma ameaça da BR-163 ser concluída e com isso a produção de grãos da região Médio-Norte passaria a ser enviada com mais frequência para os portos do Arco Norte.

O terminal intermodal de cargas de Rondonópolis foi inaugurado em setembro de 2013. Existem outros três terminais: Alto Taquari, Alto Araguaia e Itiquira. Esta é a única ferrovia de Mato Grosso. Atualmente, a malha ferroviária de Santos a Rondonópolis, transporta cerca de 30 milhões toneladas de produção. Com o projeto de modernização e expansão da malha, a meta é chegar a 75 milhões toneladas.

Please reload

Em Destaque

Taques afirma a ministro que só defenderá Ferronorte se ela passar por Cuiabá

May 10, 2017

1/2
Please reload

Notícias da Ferrovia
Please reload

Search By Tags
Please reload

Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic